Home Regionalismo Lendas Urbanas A Lenda do Mapinguari

A Lenda do Mapinguari

4 minutos o tempo de leitura
1,526

Os caboclos contam que dentro da floresta vive o Mapinguari, um gigante peludo com um olho na testa e a boca no umbigo. Para uns, ele é realmente coberto de pelos, porém usa uma armadura feita do casco da tartaruga, para outros, a sua pele é igual ao couro de jacaré. Há quem diga que seus pés tem o formato de uma mão de pilão.

A Lenda amazônica do Mapinguari
A Lenda amazônica do Mapinguari

O Mapinguari emite um grito semelhante ao grito dado pelos caçadores. Se alguém responder, ele logo vai ao encontro do desavisado, que acaba perdendo a vida. A criatura é feroz e não teme nem caçador, porque é capaz de dilatar o aço quando sopra no cano da espingarda.

Os ribeirinhos amazônicos contam muitas histórias de grandes combates entre o Mapinguari e valentes caçadores. O Mapinguari sempre leva vantagem e os caçadores que conseguem sobreviver, muitas vezes ficam aleijados ou com terríveis marcas no corpo para o resto de suas vidas. Há quem diga que o Mapinguari só anda pelas florestas de dia, guardando a noite para dormir.

Quando anda pela mata, vai gritando, quebrando galhos e derrubando árvores, deixando um rastro de destruição. Outros contam que ele só aparece nos dias santos ou feriados. Dizem que ele só foge quando vê um bicho-preguiça. O que ninguém explica é porque ele tem medo justamente do seu parente, já que é considerado um bicho-preguiça pré-histórico.

Seria um inimigo dos humanos e segundo os índios nenhuma pessoa que cruzasse o seu caminho poderia sobreviver para contar a história. Mas qual seria o fundo científico dessa lenda?

 

A Lenda amazônica do Mapinguari
A Lenda amazônica do Mapinguari

Devido a essa lenda se situar em uma área selvagem e habitada principalmente por indígenas, as evidências físicas são quase nulas, apesar de algumas pegadas estranhas terem sido encontradas na floresta. No entanto em 2006 a descoberta de uma pequena criatura extremamente parecida com um filhote de Mapinguari em Manaus, deixou os locais assustados. Segundo eles, haviam seis dessas criaturas e elas andavam sobre as duas patas traseiras. Todas elas foram mortas. No entanto um veterinário analisou a criatura e deu veredicto de que seria um gato deformado. Será? Seis gatos com a mesma deformação e andando sobre duas patas? Realmente é estranho

Filhote de Mapinguari encontrado em Manaus
Filhote de Mapinguari encontrado em Manaus

Teorias

David Oren, biólogo americano é gerente científico da Nature Conservancy do Brasil, já vem realizando pesquisas a respeito da veracidade dessa lenda há muito tempo. Oren, que ouviu relatos de mais de 100 pessoas que dizem ter visto a criatura além de outras sete que afirmam tê-la matado, acredita que a lenda do Mapinguari tem sim uma base real: a Preguiça gigante. Segundo ele e também muitos outros criptozoólogos, o Mapinguari seria na realidade uma Preguiça Gigante que havia supostamente sido extinta a 10.000 anos atrás. Essas criaturas viveram na América do Sul e se assemelham muito as descrições do monstro amazônico. Dentre os genêros que mais se assemelham ao Mapinguari, o Milodonte e o Megatério são os mais prováveis responsáveis pelos avistamentos pelo seu tamanho. O gênero Milodonte ou Mylodon, possuia uma característica muito interessante: Possuia uma espécie de armadura em sua pele, a Osteoderme. Essa característica se encaixa como uma luva nos relatos de que o Mapinguari teria uma pele semelhante a de um crocodilo que o protegeria dos tiros. Indígenas que teriam visto a criatura se mostravam impressionados quando apresentados a fotos de recriações de Preguiças Gigantes, alegando que aquele seria o monstro avistado por eles.

A Lenda amazônica do Mapinguari
Preguiça Gigante – seria o verdadeiro Mapinguari
Ossos de um Megatério
Ossos de um Megatério

fontes : A Criatura do Lago

Comentários com Facebook
Carregar Mais Artigos Parecidos
Carregar Mais De Marcus Pessoa
Carregar Mais Em Lendas Urbanas

16 Comentários

  1. Mina Puca Queiroz

    16 de setembro de 2013 às 00:05

    somente quem dar muito valor nas nossas lendas, somos nos , que moramos na entrada do Amazonas. valorizamos todas as nossas culturas e lendas , porque nelas estar as nossas verdadeiras estorias.

  2. Mina Puca Queiroz

    16 de setembro de 2013 às 00:05

    somente quem dar muito valor nas nossas lendas, somos nos , que moramos na entrada do Amazonas. valorizamos todas as nossas culturas e lendas , porque nelas estar as nossas verdadeiras estorias.

  3. Ronny Stifler

    25 de janeiro de 2014 às 06:48

    Muito interessante :3

  4. Marcelo Augusto

    13 de junho de 2015 às 12:44

    tem gente que acredita em coelhinho da pascoa e papai noel kkkkkk porque não acreditar no mapinguari kkkkk

  5. Wanderson Costa

    13 de junho de 2015 às 16:55

    E so o irmão do sid!!!!!!!!!

  6. Jaciara Nobre

    13 de agosto de 2015 às 15:23

    Interessantes e hilários são os comentários "lendários". Será que não comtribui ou quem lê não consegue compreender o conteúdo que aqui está exposto!!?? Valiosa é a contribuição aqui encontrada. PARABÉNS aos que alimentam essa página. Meus alunos que estão trabalhando a REGIÃO NORTE agradecem. ESCOLA SANTOS NOBRE, trabalhando o PROJETO: FOLCORE BRASILEIROS-Passeando pelas regões, conhecendo o nosso FOLCLORE. Obrigada!

Espia Esse Aqui

5 lendas urbanas que já foram explicadas pela ciência

  O conhecimento científico é carregado de complexas técnicas de análise com o intuit…