Home Notícias Polícia Após darem soco e apontarem arma na cara de um aviãozinho, casal é guizado por facção

Após darem soco e apontarem arma na cara de um aviãozinho, casal é guizado por facção

1 minutos lido
3,448

Mostrando que o crime não compensa e que existe um suposto código de ética, um casal foi cobrado duramente por traficantes após o homem agredir com soco o filho de um bandido chamado “Toyzinho” enquanto a mulher apontou uma arma 38 na cabeça dele. A sementinha do mal teria 11 anos. O vídeo viralizou nesta terça-feira (22) por conter cenas fortes.

O casal passa 5 minutos sobre a agonia de pauladas de pernamanca, sendo torturado por traficantes em uma favela, após terem agredido e ameaçado um ‘aviãozinho’ da facção, que tem apenas 11 anos e já está no mundo do crime. O caso aconteceu no Rio De Janeiro.

Após darem soco e apontarem arma na cara de um aviãozinho, casal é guizado por facção

No vídeo, a mulher é brutalmente espancada a pauladas e chora pedindo perdão à vulgo ‘Toyzinho’. Ela teria pegado a arma do namorado e apontado para a cabeça do menino.

O namorado dela ainda teria dado um soco na cabeça de Toyzinho, que desmaiou com o golpe. O chefe da facção então resolveu punir o casal que mexeu com seu funcionário do tráfico.

Durante o espancamento a mulher nega tudo, mas o próprio namorado diz que foi ela quem apontou a arma sim.

Se quiser ver o vídeo, clique aqui

Comentários com Facebook
Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Marcus Pessoa
Carregar Mais Em Polícia

Leia Também

Corpo é encontrado amarrado em rio no Educandos

Na manhã dessa quinta-feira (29), o corpo de um homem até o momento não identificado foi e…