Baixo nível dos rios coloca 11 municípios do Amazonas em estado de atenção

93

A diminui√ß√£o significativa do volume de chuvas e do n√≠vel dos rios levou a Defesa Civil do Amazonas a emitir hoje (14) um alerta de estado de aten√ß√£o para 11 munic√≠pios das calhas do Juru√°, Purus e Madeira. Dados do Sistema de Prote√ß√£o da Amaz√īnia (Sipam) indicam que essas bacias enfrentam o trimestre mais seco do ano. Apesar de a baixa pluviosidade ser comum nesta √©poca, as chuvas est√£o abaixo da m√©dia prevista.

Segundo o secret√°rio executivo do √≥rg√£o, coronel Fernando Pires J√ļnior, o estado de aten√ß√£o √© considerado o primeiro est√°gio de um desastre ambiental e serve para alertar os munic√≠pios.

‚ÄúA nossa regi√£o, principalmente, o sudoeste do estado, encontra-se com baixa quantidade de precipita√ß√£o e as calhas est√£o em n√≠veis cr√≠ticos por causa do ver√£o amaz√īnico. A Defesa Civil coloca esses munic√≠pios em situa√ß√£o de aten√ß√£o para que n√≥s possamos trabalhar antecipadamente em um plano, caso haja uma situa√ß√£o cr√≠tica de estiagem, e para que n√≥s possamos atender as comunidades afetadas‚ÄĚ, afirmou.

O coronel explica que a estiagem atrapalha o dia a dia das comunidades ribeirinhas. ‚ÄúO volume de chuvas interfere diretamente na trafegabilidade, no reabastecimento e na log√≠stica de manuten√ß√£o da vida social dessas comunidades localizadas nessas calhas de rios‚ÄĚ, aponta.

Estão em estado de atenção os municípios de Guajará, Eirunepé, Itamarati, Ipixuna e Envira, na calha do Juruá; Boca do Acre, Canutama, Lábrea e Pauini, na calha do Purus; Humaitá e Manicoré, na calha do Madeira.

No Juruá, de acordo com a Defesa Civil, a previsão de precipitação em julho era de 66 mm, mas só foram registrados 21 mm. Já no Purus, no mês passado, foi 0,9 milímetro de chuva e a estimativa era de 42 mm. Na bacia do rio Madeira, dos 45 mm previstos, foram registrados apenas 4 mm de chuva.

Baixo nível dos rios coloca 11 municípios do Amazonas em estado de atenção / Divulgação
Baixo nível dos rios coloca 11 municípios do Amazonas em estado de atenção / Divulgação

Fonte: Agência Brasil

Coment√°rios