Caso Heloísa: Michael Sabóia é condenado a 25 anos por matar a jovem de 17 anos - No Amazonas é Assim
Nos Siga nas Redes Sociais
Manaus, AM, Domingo, 14 de Abril de 2024

Polícia

Caso Heloísa: Michael Sabóia é condenado a 25 anos por matar a jovem de 17 anos

Publicado

no

Nesta sexta-feira (19), Michael Sabóia de Souza Xavier foi julgado condenado a 25 anos de prisão por matar a adolescente Heloísa Medeiros da Silva, 17, em dezembro de 2019, na casa da avó dele na Rua Miranda Leão, no Centro de Manaus.

A 2.ª Vara do Tribunal do Júri da Comarca de Manaus condeno réu nas penas dos crimes previstos no art. 121, parágrafo 2.º, incisos III (asfixia) e VI (contra a mulher por razões da condição de sexo feminino) c/c o parágrafo 2.º-A, inciso II (menosprezo ou discriminação à condição de mulher) e art. 211, ambos do Código Penal Brasileiro. Da sentença cabe apelação.

O julgamento

Na sessão de júri popular foram ouvidas sete testemunhas, entre as arroladas pela acusação e pela defesa, além de realizado o interrogatório do réu, que aconteceu no final da tarde de quinta-feira. Michael respondeu questionamentos sobre o dia crime e disse estar arrependido, ocasião em que pediu perdão à mãe da vítima.

LEIA TAMBÉM  Lutador de Jiu-Jitsu espanca morador de rua até a morte; Veja o vídeo!

O réu alegou que houve uma desavença com a vítima após ter atendido uma ligação de outra mulher. Durante o interrogatório, afirmou ter segurado Heloisa por um dos pulsos e que a apertou por trás, e em seguida a lançou na cama. “O que ocorreu poderia acontecer com qualquer pessoa. Nunca me passou pela cabeça tirar a vida daquela mulher. Depois de tudo, eu não sabia o que fazer”, afirmou o réu que não explicou o porquê de as unhas postiças da vítima terem sido cortadas assim como os cabelos dela, conforme constatado pela perícia.

Publicidade
Entre no nosso grupo de Whatsapp

Caso Heloísa

LEIA TAMBÉM  PM detém dupla suspeita de assalto e receptação na zona oeste

De acordo com o inquérito policial, que gerou a denúncia do Ministério Público do Estado do Amazonas (MPE/AM), no dia 12/12/2019 a vítima e o acusado se encontraram e um bar e depois seguiram para a residência da avó dele, onde, no dia 15 de dezembro, foi encontrado o corpo de Heloísa. O relatório de interceptação telefônica demonstra que o celular da vítima emitiu o último sinal na área em que ela foi encontrada morta, por volta das 10h12 do dia 13 de dezembro. O aparelho celular não foi encontrado no local do crime. A perícia confirma que o tempo estimado de morte foi de 36 a 48 horas antes da necropsia. Assim, como o corpo foi encontrado no dia 15, morte se deu entre o dia 13 e 14/12/2019. As imagens consultadas pela Polícia Civil, nas câmeras de segurança do bar onde Heloísa e Saboia se encontraram, confirmam que os dois deixam o local juntos, por volta das 04h16.

LEIA TAMBÉM  Cansados, moradores da Alvorada denunciam série de assaltos

Após a morte de Heloisa, Michael mandou mensagem para seu tio que se dirigiu até onde ele se encontrava e este lhe mostrou o corpo da vítima, apesar de ter negado tê-la matado, depois disso.

Segundo a perícia, a morte de Heloísa foi provocada por asfixia decorrente de ação contundente que gerou trauma na região raquimedular.

Suspeito do crime, Michel chegou a passar um período foragido, até ser preso, no Maranhão. Mas foi capturado e transferido para Manaus.

Publicidade
Entre no nosso grupo de Whatsapp
Deixe seu comentário aqui embaixo 👇…

Divulgamos em nosso portal as principais notícias, nossas belezas naturais, nossa cultura ribeirinha, além dos já conhecidos assuntos meramente cômicos. Nos siga nas redes sociais @noamazonas.

Notícias da ALE-AM

Lendas Amazônicas, Urbanas e Folclóricas!

Curta a gente no Facebook

Bora Falar de Direito?

Confira as dicas de direito

Prefeitura de Manaus

Últimas notícias da Prefeitura de Manaus

Governo do Amazonas

Últimas notícias do Governo do AM

Tribunal de Contas do Amazonas

Últimas Notícias do TCE-AM

Águas de Manaus

Últimas notícias da Águas de Manaus

Assembleia Legislativa do AM

Últimas notícias da ALE-AM

Entre em nosso Grupo no Whatsapp

Participe do nosso grupo no Whatsapp

Últimas Atualizações