Dep. Platiny é flagrado supostamente urinando em plena Constantino Nery em Manaus

1349

Na noite desta terça-feira (10/10) o deputado estadual Platiny Soares (DEM) foi flagrado supostamente urinando, na avenida Constantino Nery, próximo ao Hemoam, bairro Chapada, zona centro sul de Manaus.

Dep. Platiny é flagrado urinando em plena Constantino Nery em Manaus - Imagem: Via Whatsapp
Dep. Platiny é flagrado urinando em plena Constantino Nery em Manaus – Imagem: Via Whatsapp

A ação do deputado atraiu a curiosidade de quem passava pela via no momento do suposto alívio da bexiga.

O parlamentar estaria voltando de uma festa quando parou o veículo em via pública, saiu do carro, abaixou a calça e urinou, segundo afirmou uma testemunha. “São esses tipos de exemplos que são inaceitaveis por parte de um político do Amazonas, que deveria respeitar a lei. Ele foi eleito com o apoio dos policiais militares, mas perdeu o respeito”, declarou a fonte.

O ato de urinar em via pública é considerado crime.

A atitude de urinar na rua pode se enquadrar no crime de ato obsceno, contido no art. 233 do Código Penal. In verbis:*

*Art. 233 – Praticar ato obsceno em lugar público, ou aberto ou exposto ao público:*

*Pena – detenção, de três meses a um ano, ou multa.*

Esclarecimento dos fatos de acordo com o deputado Platiny Soares

“Muito me entristece de estar hoje esclarecendo um fato como este, principalmente porque, este fato ocorreu em uma abordagem policial. Fui abordado por uma viatura policial, isso ocorreu há praticamente 1 mês. Ocorreu durante uma abordagem não muito convencional, com muitos excessos, mas reportei isso à autoridade competente, que seria o Comando da Polícia e nada houve do que foi reportado. Graças a Deus isso ocorreu em uma das avenidas mais monitoradas da nossa cidade, que é a Avenida Constantino Nery e lá existem diversas câmeras e lá será verificado que a minha conduta não foi a que está sendo veiculada. A pessoa que praticou isso será acionada Administrativamente, Criminalmente e Penalmente.”

Pode conferir o áudio do deputado estadual Platiny esclarecendo sobre o caso através deste link.

Comentários