Familiares de vítimas da Boate Kiss negam processo contra a Netflix - No Amazonas é Assim
Nos Siga nas Redes Sociais
Manaus, AM, segunda, 22 de julho de 2024

Brasil

Familiares de vítimas da Boate Kiss negam processo contra a Netflix

Publicado

no

Neste domingo (29/1) a Associação dos Familiares de Vítimas e Sobreviventes da Tragédia de Santa Maria divulgou nota para esclarecer que os integrantes estavam cientes da produção da série Todo Dia a Mesma Noite, na Netflix.

A produção aborda a luta que já completou 10 anos dos pais que perderam filhos na tragédia da Boate Kiss por justiça e está entre as mais vistas da plataforma desde que foi lançada, na semana passada.

A declaração foi feita após um grupo de famílias de vítimas afirmar que foi pego se surpresa com a exposição do caso pela produção. Na nota, a associação destaca que “sente-se representada” pela série e pelo livro homônimo em que ela foi baseada.

A produção não retrata de forma individual os 242 jovens assassinados, mas sim um recorte das quatro famílias de pais que foram processados. Todos os familiares de vítimas e sobreviventes retratados por personagens da obra estavam cientes e em concordância”, diz o texto assinado pelo presidente da associação, Gabriel Rovadoschi Barros.

“Reiteramos que não estamos movendo nenhum processo contra as produções, nem pretendemos, por acreditarmos na potência das produções na luta por justiça e pela memória”.

“A produção não retrata de forma individual os 242 jovens assassinados, mas sim um recorte das quatro famílias de pais que foram processados. Todos os familiares de vítimas e sobreviventes retratados por personagens da obra estavam cientes e em concordância”, diz o texto assinado pelo presidente da associação, Gabriel Rovadoschi Barros.

A advogada Juliane Muller Korbm afirmou ter sido procurada por cerca de 40 familiares de vítimas para representá-los em um processo contra a Netflix. Eles alegam que a plataforma “sequer teve a sensibilidade de informá-los que uma série dramática seria produzida”.

“Muitos pais não tiveram estrutura para entrar no ginásio com todos aqueles corpos e reconhecer os filhos, muitos nunca tiveram estrutura até hoje para ver as imagens dos corpos e essa cena é passada no trailer da série”, disse a advogada.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por AVTSM (@avtsm27)

Deixe seu comentário aqui embaixo 👇...

Notícias da ALEAM

Lendas Amazônicas, Urbanas e Folclóricas!

Curta a gente no Facebook

Bora Falar de Direito?

Confira as dicas de direito

Governo do Amazonas

Últimas notícias do Governo do AM

Tribunal de Contas do Amazonas

Últimas Notícias do TCE-AM

Assembleia Legislativa do AM

Últimas notícias da ALE-AM

Entre em nosso Grupo no Whatsapp

Participe do nosso grupo no Whatsapp

Últimas Atualizações