Homem tatuou hit “Caneta Azul” no peito. Tatuador se surpreende com repercussão

817

Logo que algo atinge o sucesso nacional, alguém perde o compasso e registra a arte em seu corpo. Não foi diferente com o hit da “Caneta Azul, Azul Caneta” que está fazendo sucesso nas redes sociais.

Inclusive o cantor Léo Magalhães já desmentiu que comprou o direito autoral da música por R$ 700.000,00 (setecentos mil reais). A fake news do Léo Magalhães veio com tudo esta semana.

O tatuador Diego Farias, do Body Art Studio, de Campina Grande, na Paraíba, divulgou em sua página no Instagram (@diegoxicopreto) a foto de um cliente que resolveu homenagear a canção. O desenho foi feito na manhã desta terça-feira (29). Na imagem, além de uma caricatura do autor da música, aparecem duas canetas azuis.

Homem tatuou hit "Caneta Azul" no peito. Tatuador se surpreende com repercussão
Homem tatuou hit “Caneta Azul” no peito. Tatuador se surpreende com repercussão

O tatuador revela que não foi a primeira imagem inusitada que fez. “Ele é meu cliente e amigo e já é o segundo meme que tatuei nele. O primeiro meme foi o ‘Negão do Whatsapp’. Ele chegou no meu Studio querendo uma tatuagem mas não sabia o que fazer, daí dei a ideia, rimos muito, ele gostou e fizemos”, conta Diego. “Fiquei surpreso com a repercussão, não esperava que essa homenagem iria render tanto”.

Diego espera que o sucesso de repercussão do desenho faça com que a tatuagem seja mais valorizada na cidade. “Se não trouxer movimento, que traga ao menos reconhecimento, pois a tatuagem aqui não é tão valorizada como em outros estados”.

O hit composto pelo maranhense Manoel Gomes, conta a história da perda de uma caneta azul. O cantor e compositor é natural de Balsas, município que fica a 816 km da capital maranhense. No YouTube, onde foi hospedado originalmente no dia 18 de outubro, a música alcançou nada menos que 5 milhões de visualizações até o presente momento.

Comentários