Josué Neto sai em defesa da Zona Franca de Manaus após declaração de Paulo Guedes

339

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas – ALEAM, deputado estadual Josué Neto (PSD), reagiu após a declaração dada pelo ministro da economia, Paulo Guedes, durante entrevista à GloboNews, na última quarta-feira (17).

Durante entrevista ao Portal No Amazonas é Assim Josué Neto afirmou que a consequência da medida anunciada pelo ministro da economia seria desastrosa e dizimaria um sistema tributário de arrecadação positiva no Amazonas.

Quanto a igualdade do sistema tributário aos outros estados, dita pelo ministro durante entrevista a repórter Miriam Leitão, a consequência seria muito desastrosa, dizimaria um sistema tributário de arrecadação positiva e também um estado por completo, visto sua extrema importância! A curto prazo catástrofe para economia do Amazonas, a médio prazo uma força de milhares de motoserras contra a Floresta Amazônica.” afirmou Neto.

O presidente da ALEAM também mostrou indignação em postagem feita no twitter, nesta quinta-feira (18/4), “O AM precisa dar um recado ao Governo Federal. Extinguir o IPI em território nacional é jogar 92% da economia do AM, direta e indireta no ralo. Nunca em tão pouco tempo os milhares postos de trabalho no PIM sofreram tantos ataques. Catástrofe para a economia do AM” disse Neto.

Josué Neto sai em defesa da Zona Franca de Manaus após declaração de Paulo Guedes – Imagem: Reprodução

 

Comentários