Home Notícias Brasil Justiça dá 72 horas para Governo Bolsonaro explicar novo aumento nos combustíveis

Justiça dá 72 horas para Governo Bolsonaro explicar novo aumento nos combustíveis

2 minutos o tempo de leitura
54

A juíza Flávia de Macêdo Nolasco, da 9ª Vara Federal de Brasília, deu um prazo de 72 horas para que o governo federal se manifeste sobre o aumento do preço dos combustíveis anunciado na quinta-feira (10), pela Petrobras, e que passou a valer nesta sexta (11).

A ação civil pública foi ajuizada pelo Conselho Nacional do Transporte de Cargas (CNTRC), Sindicatos dos Transportadores Autônomos de Cargas de Guarulhos e de Jundiaí e pela Frente Parlamentar Mista do Caminhoneiro Autônomo e Celetista, que reúne 235 deputados e 22 senadores.

O despacho com o pedido de informações para que a Justiça Federal decida sobre a liminar foi feito nesta sexta-feira. O prazo para que o governo e a Petrobras se pronunciem termina na segunda-feira (13).

A Federação Única dos Petroleiros, que reúne os trabalhadores do setor de óleo e gás no país, criticou o novo aumento de combustíveis empreendido pela Petrobras. Segundo a FUP, a alta anunciada é um desrespeito da estatal e do governo de Jair Bolsonaro contra os brasileiros e também contra o parlamento, pois na última quinta, começou a ser discutido no Senado o projeto de lei que tem como objetivo amortecer as variações de preço da gasolina, do diesel e do gás natural.

18,8% de aumento na gasolina
24,9% de aumento no litro do diesel
16,1% de aumento no gás de cozinha vendidos às distribuidoras

Aumento

Em Manaus, as botijas de 13 quilos que custavam R$ 108, nesta sexta, o valor aumentou para R$ 120. De acordo com a Federação Única dos Petroleiros (FUP), desde a adoção do Preço de Paridade de Importação (PPI), a alta acumulada no preço do gás de cozinha foi de 349,3%.

O aumento nos valores dos combustíveis às distribuidoras foi anunciado pela Petrobras na última quinta (10), mas só começou a valer nesta sexta. Logo após o anúncio do aumento no valor do combustível que entraria em vigor nesta sexta-feira (11/3), ainda na quinta-feira (10), alguns estabelecimentos da capital já haviam reajustado o valor nas bombas para até R$ 7,49.

Nesta sexta-feira o preço da gasolina em Manaus disparou e o litro já é vendido de R$ 7,60 a R$ 8,00. Até a manhã de quinta, a média do litro da gasolina era de R$ 6,59.

 

Justiça dá 72 horas para Governo Bolsonaro explicar novo aumento nos combustíveis – Imagem: Divulgação
Comentários com Facebook
Carregar Mais Artigos Parecidos
Carregar Mais De Jussara Melo
Carregar Mais Em Brasil

Deixe um comentário

Espia Esse Aqui

Cantora ativista é praticamente enterrada em um lixão e irmão fica revoltado!

Uma denúncia divulgou as condições precárias dos cemitérios públicos municipais de Cuiabá …