Nos Siga nas Redes Sociais
Dezembro Vermelho: Escolher a prevenção é uma forma de amar-se
Manaus, AM, quinta, 08 de dezembro de 2022

Política

Nova Pesquisa Eleitoral mostra que Lula segue liderando, mas diferença diminuiu

A pesquisa PoderData foi realizada de 17 a 19 de julho.

Publicado

no

Nova Pesquisa Eleitoral mostra que Lula segue liderando, mas diferença diminuiu

Saiu uma nova pesquisa eleitoral sobre as Eleições 2022 para presidente. Dessa vez a pesquisa divulgada foi do PoderData, e nela o ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva (PT) continua na liderança, porém, viu a diferença para o atual presidente Jair Messias Bolsonaro (PL), dimiuir 2 pontos. A diferença entre eles diminuiu para 6 pontos percentuais e a vitória no primeiro turno fica longe para ambos. A pesquisa PoderData foi realizada de 17 a 19 de julho.

Essa diferença de 6 pontos é a menor registrada entre Lula e Bolsonaro desde abril de 2022, quando começaram a ser sentidos de maneira mais vigorosa os efeitos da alta da taxa de inflação e dos preços dos combustíveis. Faltam 74 dias para a eleição de 2 de outubro.

Os 2 candidatos tiveram variações dentro da margem de erro do levantamento (de 2 pontos percentuais) nos últimos 15 dias: Lula oscilou de 44% para 43%; Bolsonaro variou de 36% para 37%.

Lula e Bolsonaro 1º Turno / Fonte : Poder360

Lula e Bolsonaro 1º Turno / Fonte : Poder360

Ainda que sejam oscilações na margem de erro, é importante analisar a curva longa do PoderData, único estudo realizado a cada 15 dias com 3.000 pessoas em todo o Brasil. A trajetória de Lula e de Bolsonaro permite ver uma gradual aproximação entre o petista e o atual presidente nas últimas semanas.

A pesquisa já estava sendo realizada quando Bolsonaro falou a embaixadores estrangeiros em Brasília, na 2ª feira (18.jul.2022), criticando as urnas eletrônicas e ministros do Supremo Tribunal Federal. A reação de autoridades no Judiciário, Ministério Público e grande parte da mídia foi negativa. Os entrevistados pelo PoderData assistiram a tudo isso e a pesquisa reflete o impacto desse episódio –que parece ter sido quase nulo.

Esta pesquisa do PoderData também é a 1ª depois de ter sido promulgada a Emenda Constitucional nº 123, conhecida como PEC das bondades por aumentar de R$ 400 para R$ 600 o valor do Auxílio Brasil, além de criar um voucher de R$ 1.000 para caminhoneiros, dobrar o valor do vale-gás e criar um benefício específico para taxistas. Nos últimos 15 dias também houve a queda do preço da gasolina nos postos.

O dinheiro desses benefícios chegará ao bolso dos eleitores só em meados de agosto, mas o noticiário a respeito dessa novidade foi intenso nos últimos dias.

O PoderData também perguntou aos entrevistados sobre quem escolheriam em um cenário de 2º turno com Lula e Bolsonaro. O PoderData faz uma simulação de 2º turno com os 2 candidatos a cada duas semanas. Lula oscilou 1 ponto percentual para cima em 15 dias, enquanto Bolsonaro repetiu o desempenho da rodada anterior….

Lula e Bolsonaro 2º Turno / Fonte : Poder360

VITÓRIA EM 1º TURNO MAIS DISTANTE

O levantamento também mostra que, se as eleições fossem hoje, haveria 2º turno na sucessão presidencial. Nas 5 rodadas anteriores do PoderData, Lula empatava tecnicamente com a soma dos oponentes, o que indicava uma possível vitória do petista em 1º turno. Hoje, os outros nomes somam 49%, contra 43% do petista.

Para ganhar a sucessão presidencial já na 1ª votação de 2 de outubro, um candidato precisa de, pelo menos, 50% mais 1 dos votos válidos (os dados aos candidatos, excluindo-se brancos e nulos).

ESTRATIFICAÇÃO

O PoderData analisa as respostas para aferir como cada candidato se sai em segmentos específicos do eleitorado. Lula tem melhor desempenho entre mulheres (46%), jovens de 16 a 24 anos (52%) e em famílias que ganham até 2 salários mínimos (50%). Bolsonaro pontua melhor entre homens (43%), eleitores de 45 a 59 anos (43%) e nas famílias com renda de 2 a 5 salários (48%) e com 5 salários ou mais (47%).

A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais quando se consideram os dados aplicados ao eleitorado em geral. Quando se comparam percentuais dentro de um segmento específico da população, a margem de erro é mais alta porque é considerada só uma fração das 3.000 entrevistas feitas pelo PoderData.

O cenário regional ainda indica indefinição. Eis o desempenho dos 2 líderes por região:

  • Sudeste – Lula e Bolsonaro têm o mesmo desempenho que no eleitorado em geral: 43% a 37%;
  • Sul – Bolsonaro supera Lula por larga margem: 48% a 28%;
  • Centro-Oeste – os candidatos empatam tecnicamente, considerando-se a margem de erro regional de 6,9 p.p.: Lula 36% X 41% Bolsonaro;
  • Norte – Bolsonaro tem 50%; Lula, 44%. Margem de erro regional é de 6,4 p.p.;
  • Nordeste – Lula segue com grande vantagem, como registrado nas rodadas anteriores: 52%, contra 27% de Bolsonaro.

Deixe seu comentário aqui embaixo 👇...

Sou o idealizador do No Amazonas é Assim e um apaixonado pela nossa terra. Atualmente, participo de diversas ações e discussões na área de cultura, comunicação digital, turismo e empreendedorismo, além de ações sociais.

Dezembro Vermelho: Escolher a prevenção é uma forma de amar-se

Dezembro Vermelho: Escolher a prevenção é uma forma de amar-se

Renegocie suas dívidas com a AFEAM

Bora Falar de Direito?

Confira as dicas de direito

Falando de Contas

Programa do TCE-AM

Facebook

Prefeitura de Manaus

Últimas notícias da Prefeitura de Manaus

Assembleia Legislativa do AM

Últimas Notícias do TCE-AM

Tribunal de Contas do AM

Últimas Notícias do TCE-AM

Últimas Atualizações