Home Notícias Amazonas O Governador Wilson Lima anuncia novo mutirão de vacinação contra a Covid-19

O Governador Wilson Lima anuncia novo mutirão de vacinação contra a Covid-19

3 minutos lido
272
FOTO Diego Peres-Secom 

O governador Wilson Lima anunciou que, em cerca de 15 dias, um novo grande mutirão para imunizar a população da capital contra a Covid-19 deve ser realizado em parceria com a Prefeitura de Manaus. O anúncio foi feito nesta segunda-feira (14/06), durante entrevista coletiva na qual o governador e o prefeito David Almeida apresentaram os resultados da grande mobilização do último fim de semana que, durante 34 horas, imunizou 141.733 pessoas com a primeira dose. Wilson Lima disse, ainda, que o Estado deve levar o mutirão para municípios polos do interior.

 

“Hoje a gente chega aqui em um momento como esse, com a certeza que a gente deu um passo muito importante, um passo muito significativo. E David, vai se preparando que daqui alguns dias, daqui a 15 dias, a gente vai fazer outra ação dessas. Nós iremos receber mais uma remessa de aproximadamente 44 mil doses de vacina que serão entregues para Manaus”, disse o governador.

 

FOTO Arthur Castro-Secom

O município de Manaus vai divulgar um novo calendário de imunização nas próximas horas dando continuidade à vacinação com as doses já entregues pelo Governo do Amazonas. O prefeito David Almeida, na coletiva, agradeceu a parceria com o Governo do Estado. “O governador e o prefeito remam na direção do bem-estar da população. A prefeitura está de portas abertas, de mãos estendidas, e obrigado pela ajuda que o governo deu para a Prefeitura de Manaus. É assim que se trabalha”, disse David.

 

Wilson Lima e David Almeida agradeceram aos servidores e voluntários que atuaram no mutirão. Foram mais de 3 mil servidores somente do Governo do Amazonas, 57 pontos de vacinação, três em esquema de viradão, abertos durante a noite e madrugada. Do total de vacinas empregadas no mutirão, 62.544 foram aplicadas no sábado e outras 79.189 no domingo. Mais de 16 mil doses foram utilizadas somente entre a noite de sábado e a madrugada do domingo. A cada hora foram aplicadas 4.166 doses, o que equivale a 69 por minuto, uma por segundo.

 

Das 176 mil doses aplicadas no Brasil no domingo, Manaus corresponde a 46% dessas doses, segundo o consórcio de veículos de imprensa. Desde o início da vacinação contra o novo coronavírus, o Amazonas já aplicou 1,5 milhão de doses, e mais de 2 milhões doses já foram distribuídas aos municípios.

 

Interior – Apesar das dificuldades para o trabalho de imunização por conta das distâncias entre as sedes dos municípios e comunidades no interior, o governador disse que o Estado se prepara para levar ações como essa realizada na capital para cidades pólos.

 

“Estamos construindo uma proposta para fazer uma campanha grande, um mutirão em cidades polos, para que elas também possam avançar nesse processo de imunização. Tem alguns municípios que já estão vacinando na faixa dos 30 anos de idade. Então há uma possibilidade muito grande de a gente conseguir fechar alguns municípios”, declarou.

 

Para superar as dificuldades enfrentadas pelos municípios, Wilson Lima ressaltou que a Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM) e a Secretaria de Estado da Saúde (SES-AM) já encaminharam servidores aos municípios para imunizar pessoas e, também, preencher os relatórios de doses aplicadas, processo fundamental para o planejamento de distribuição de imunizantes.

 

“Montamos uma força-tarefa para ir àqueles municípios que enfrentam mais dificuldade nesse momento, para fazer a vacinação; seja pela falta de profissionais para efetivamente vacinar, seja pela falta de conhecimento para poder inserir os dados no sistema”, explicou.

 

O governador ressaltou a importância da vacina e a queda do número de casos graves no estado. “A vacina é a arma mais poderosa que a gente tem contra a Covid-19, os estudos mostram isso, e o impacto também na nossa rede de saúde mostra o quanto ela tem sido eficaz, porque os pacientes que têm sido internados nas nossas unidades saúde eles têm pouco agravado. É uma quantidade muito pequena em relação ao que aconteceu no passado, de pacientes que entram em um quadro mais grave e precisam ir para um leito de UTI”, destacou.

Comentários com Facebook
Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Alessandro Nuñes
Carregar Mais Em Amazonas

Leia Também

Governo do Amazonas já entregou mais de 1,3 mil cartões do Auxílio Estadual para profissionais da Cultura, Esporte e Turismo

O Governo do Amazonas já entregou, até esta quinta-feira (29/07), 1.334 cartões do Auxílio…