Home Notícias Amazonas Os concorridos cursos do Cetam colocam alunos no mercado digital!

Os concorridos cursos do Cetam colocam alunos no mercado digital!

2 minutos lido
50

Ao longo do período de pandemia, a tecnologia tem sido a alternativa para muitos negócios e carreiras. Antenado com as novas necessidades mundiais, surgidas da crise causada pelo novo coronavírus, o Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam) lançou cursos direcionados ao empreendedorismo digital.

O curso de Marketing Digital, voltado para as redes sociais, é um dos destaques e se apresenta para conectar as pessoas ao mundo on-line. Por meio da formação, que tem a duração de pouco mais de um mês, os alunos aprendem a trabalhar o posicionamento, a divulgação e a venda de seus produtos, serviços e marcas nas redes sociais.

Segundo o professor Pauleanderson Gomes de Souza, o diferencial do curso é justamente o direcionamento para a atuação nas redes sociais. Ele explica que os alunos aprendem como trabalhar o marketing de seu produto no Instagram, Facebook e demais redes existentes.

A aplicação do curso é totalmente on-line, desenvolvida nas mais variadas plataformas e utilizando o maior número de ferramentas possíveis, tudo pensado para facilitar o acesso dos alunos ao conteúdo.

“Não adianta ministrar um curso em formato que atinja metade dos inscritos. O objetivo é alcançar todos e assim pensamos em várias formas para facilitar a vida dos alunos”, explica Pauleanderson.

Para definir as estratégias, o professor lembra que tudo foi pensado para entender a situação que cada aluno vive, considerando que o acesso digital apresenta enormes diferenças, com estudantes com estrutura de computador e smartphones e outros dispondo somente do celular com banda 3G.

Ferramentas – Por conta de tudo isso, o Cetam oferece o curso na plataforma Google Meet, Classroom, Telegram e WhatsApp. “Lançamos mão de todas as ferramentas existentes e de fácil acesso para ministrar o curso da melhor maneira possível”, destacou o professor.

O Marketing Digital é dividido em três turmas – manhã, tarde e noite – e já encerra essa primeira formação no fim de abril, com um enorme sucesso de participação, segundo o professor. A carga horária de 80 horas é muito dinâmica e tem uma resposta rápida na vida dos alunos.

“Temos estudantes que nas primeiras atividades já tiveram retorno nas suas postagens com um engajamento muito rápido”, destacou Pauleanderson.

Como o curso é tem curta duração, os alunos terão no trabalho final a missão de criar um Instagram voltado para o seu tipo de negócio e interesse.

A ideia surgiu, explica o professor, após a identificação de que a maioria dos alunos não possuía um Instagram e os que tinham não desenvolviam o potencial empresarial. “O objetivo do curso é inserir o aluno no mercado digital para superar a ausência da atividade presencial”, ressaltou Pauleanderson.

Cursos na pandemia – As inscrições para os 42 cursos de qualificação profissional, com 6.120 vagas, foram realizadas no dia 8 de março nos Centros Estaduais de Convivência da Família (CECFs).

Desses cursos, pelo menos quatro deles são novidade: Maquiagem básica, Aromaterapia e técnicas de respiração, Educação digital e Marketing digital.

Os concorridos cursos do Cetam colocam alunos no mercado digital! / Foto: Reprodução

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Marcus Pessoa
Carregar Mais Em Amazonas

Leia Também

Nova Olinda do Norte tá indo pro fundo do rio Madeira

Devido as cheias dos rios, diversas cidades amazonenses estão enfrentando graves problemas…