Home Notícias Política Prefeitura de Manaus não vai liberar o uso de escolas municipais para a aplicação das provas do ENEM 2020

Prefeitura de Manaus não vai liberar o uso de escolas municipais para a aplicação das provas do ENEM 2020

1 minutos lido
53

Nesta quarta-feira (13) a prefeitura de Manaus, capital do estado do Amazonas, divulgou que não vai liberar o uso de escolas municipais para a aplicação das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que começa no domingo (17).

A justificativa para a decisão é o aumento de casos em todo o estado, mas em especial na capital.

“Para evitar aglomerações nas unidades de ensino e a propagação da Covid-19, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) enviou ao Ministério Público Federal (MPF-AM) um ofício com os motivos da não liberação”, afirmou a prefeitura em nota à imprensa.

O documento também inclui um posicionamento de Pauderney Avelino, secretário municipal de Educação de Manaus: “É uma temeridade, sobretudo nesse momento. Hoje é dia 13. A prova será daqui a quatro dias e sabemos que a situação de Manaus em relação a pandemia não vai acalmar até lá. Abrir as escolas para o Enem representa aglomeração na frente e no interior delas. Enviamos as nossas razões ao Ministério Público e também sugerimos que o Enem seja adiado”.

Em entrevista à CNN, o presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Alexandre Lopes, afirmou que caso não haja a possibilidade de aplicar as provas do Enem a partir deste domingo, a cidade terá o exame cancelado.

Destaques do CNN Brasil Business:
CES 2021: GM apresenta conceito de carro voador
Governo confirma reajuste de 5,45% para aposentados; teto do INSS vai a R$ 6.433
BTG faz acordo com dona do Zoom e Buscapé para cashback e produtos financeiros

“Nós não trabalhamos com a hipótese do adiamento. O que pode haver é o cancelamento em algumas cidades. Se a gente não puder aplicar a prova, infelizmente essa cidade vai ficar fora do Enem 2020 e vai fazer o Enem 2021 em novembro apenas”, disse.

Lopes afirmou que está em discussão com o governador do Amazonas, Wilson Lima, o prefeito de Manaus, David Alemeida, e outras autoridades do estado da Saúde e Educação, e que não há nenhuma decisão tomada sobre o exame na cidade. “Não há uma definição em relação ao estado de Manaus e vamos comunicar os participantes de qualquer decisão”.

Prefeitura de Manaus não vai liberar o uso de escolas municipais para a aplicação das provas do ENEM 2021
Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Marcus Pessoa
Carregar Mais Em Política

Leia Também

“O governo federal não tem obrigação de bancar marmanjo”, diz Mario Frias sobre lei de incentivo à cultura

Na última quinta-feira (6/5) durante uma live sobre cristianismo e Lei Rouanet, que inclui…