Reviravolta: Celular será periciado para esclarecer morte de criança que caiu em rio - No Amazonas é Assim
Nos Siga nas Redes Sociais
Manaus, AM, Sexta-Feira, 12 de Abril de 2024

Polícia

Reviravolta: Celular será periciado para esclarecer morte de criança que caiu em rio

Publicado

no

O delegado responsável pelo inquérito que apura as circunstâncias da morte de um menino de 9 anos, cujo corpo foi resgatado em um rio em Imbé, no Litoral Norte do Rio Grande do Sul, na noite de segunda-feira (8), informou que o celular encontrado com o amigo que estava com ele passará por perícia para esclarecer se, em algum momento, foi instalado o jogo “Pokémon Go”.

As informações preliminares repassadas pela Brigada Militar apontavam que Artur Bobsin tinha saído de casa acompanhando de um amigo da mesma idade para capturar pokémons. Segundo a BM, essa era a versão da criança que sobreviveu.

LEIA TAMBÉM  Após 5 anos, assassino da britânica Emma Kelty é preso após levar sua filha em Unidade de Saúde

No entanto, quando o amigo foi ouvido na delegacia, nesta terça (9), negou que ele e a vítima estivessem jogando “Pokémon Go” no momento do acidente. Disse, no entanto, que faziam outras brincadeiras.

O delegado Antonio Ractz, responsável pela investigação, informou que o celular encontrado com a criança que sobreviveu será periciado para determinar se, em algum momento, o aplicativo foi instalado.

LEIA TAMBÉM  Funcionário da empresa Águas de Manaus reage a assalto e termina baleado; veja o vídeo

Ainda conforme a polícia, o celular só chegou às mãos da investigação na manhã desta terça, apesar do fato ter ocorrido na tarde de segunda. Conforme o delegado, a primeira página que aparecia na tela do aparelho era a de instalação do jogo na loja de aplicativos.

Uma professora da escola onde os dois estudam afirmou nesta terça informalmente ao delegado que ouviu as crianças dizerem que iriam até a praia para capturar pokémons. O mesmo relato foi repetido por vizinhos. Ractz, no entanto, ainda não colheu formalmente o depoimento dessas pessoas.

Publicidade
Entre no nosso grupo de Whatsapp

Conforme o relato da Brigada Militar repassado para a Delegacia de Pronto Atendimento de Tramandaí, as crianças teriam ido até um terreno onde estava um barco de fibra utilizado por pescadores da região, e acabaram caindo na água. O corpo de Artur foi localizado durante a noite por mergulhadores da Transpetro.

Barco de fibra que teria sido usado pelas crianças em Imbé (Foto: Juliano Posada Chimenes/RBS TV)

Barco de fibra que teria sido usado pelas crianças em Imbé (Foto: Juliano Posada Chimenes/RBS TV)

Fonte: G1

LEIA TAMBÉM  Em menos de 24h após matéria bombástica, MP-RJ diz que porteiro mentiu

Deixe seu comentário aqui embaixo 👇…

Mulher...mãe....apaixonada....webwriter e sócia proprietária do Portal No Amazonas é Assim...E minha história continua ❤

Notícias da ALE-AM

Lendas Amazônicas, Urbanas e Folclóricas!

Curta a gente no Facebook

Bora Falar de Direito?

Confira as dicas de direito

Prefeitura de Manaus

Últimas notícias da Prefeitura de Manaus

Governo do Amazonas

Últimas notícias do Governo do AM

Tribunal de Contas do Amazonas

Últimas Notícias do TCE-AM

Águas de Manaus

Últimas notícias da Águas de Manaus

Assembleia Legislativa do AM

Últimas notícias da ALE-AM

Entre em nosso Grupo no Whatsapp

Participe do nosso grupo no Whatsapp

Últimas Atualizações