Home Notícias Manaus Secretária de Saúde articula médicos e recursos para atenção básica em reunião com ministro

Secretária de Saúde articula médicos e recursos para atenção básica em reunião com ministro

2 minutos lido
9
Foto – Carolina Antunes InPacto / BSB

A secretária municipal de Saúde de Manaus, Shádia Fraxe, e o subsecretário de Gestão da Saúde, Djalma Coelho, representaram a capital do Amazonas na reunião do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems) nos dias 23 e 24/11, em Brasília. Em encontro com a equipe técnica do Ministério da Saúde e com o ministro Marcelo Queiroga, eles apresentaram as necessidades de Manaus e negociaram possibilidades de mais médicos e recursos financeiros para a atenção básica no ano de 2022.

Segundo a secretária Shádia Fraxe, a reunião foi de grande importância estratégica para a gestão municipal. “Discutimos temas importantes para que o ano de 2022 se inicie com o debate de novas formas de financiamento e orçamento no âmbito da saúde”, declarou.

Representando a prefeitura, a secretária levou à capital federal as principais necessidades de Manaus e do Amazonas. “Para que possamos, enquanto poder público, utilizar cada centavo destinado à atenção básica e melhorar as políticas públicas de saúde e, assim, mudar a vida de cada cidadão”, enfatizou Shádia Fraxe.

Articulação com o ministro da Saúde

Durante o evento, a secretária e o subsecretário de Saúde conversaram com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e com o secretário de Atenção Primária à Saúde (SAPS) do Ministério da Saúde, Raphael Parente. Foram tratadas as necessidades do município no âmbito do programa Médicos pelo Brasil e articuladas formas de financiamento e orçamento para o município.

“A cidade de Manaus foi muito afetada em relação a profissionais de saúde nos últimos anos. O Ministério da Saúde foi sensível conosco na Região Norte com o programa Mais Médicos e ofertou vagas a mais, mas esse contrato acaba em fevereiro”, explicou a secretária.

“Nós teremos apenas uma defasagem temporária de profissionais, porque a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) está trabalhando em outras alternativas para garantir o acesso pleno da população à atenção primária. A articulação com a equipe do Ministério da Saúde faz parte deste conjunto de alternativas”, complementou.

Durante o evento, o ministro Marcelo Queiroga declarou, inclusive, que as regiões Norte e Nordeste terão aporte de 55% das novas vagas do programa Médicos Pelo Brasil em 2022. “Sabemos que o programa facilita o acesso a áreas remotas e traz mais dignidade ao profissional. Isso é de extrema importância para a Região Norte”, discursou Queiroga.

Na avaliação da secretária Shádia Fraxe, Manaus certamente se beneficiará com essas vagas e a gestão do prefeito David Almeida continuará trabalhando para garantir que a população seja beneficiada. “Temos esse compromisso de levar médicos para Manaus, inclusive para o interior e para os locais mais distantes para mudar, de fato, a vida das pessoas”, pontuou.

Em apoio à Semsa e aos 5.570 secretários de saúde em todo o Brasil representados pelo Conasems, o presidente do conselho, Wilames Freire Bezerra, afirmou que a prioridade do evento é ajudar na construção de sistema de saúde muito mais forte do que já é, unindo representantes estaduais, municipais e federais. “Estamos juntos no fortalecimento da política municipal e da Atenção Básica em Saúde”, declarou.

Comentários com Facebook

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Alessandro Nuñes
Carregar Mais Em Manaus

Leia Também

David Almeida recebe prêmios por excelência na gestão previdenciária e anuncia convênio de adesão da previdência complementar

O prefeito de Manaus, David Almeida, assinou, nesta terça-feira, 7/12, o Regime de Previdê…