Home Notícias Polícia Vídeo: Com bebê no colo, mulher é espancada a pauladas em Conjunto de Manaus

Vídeo: Com bebê no colo, mulher é espancada a pauladas em Conjunto de Manaus

1 minutos lido
664

Um vídeo que está circulando nas redes sociais deste sábado (23) tem chocado muitos internautas. As imagens fortíssimas mostram uma mulher com um bebê no colo sendo violentamente espancada, em um estacionamento aberto do Conjunto Cidadão Manauara 2, bairro Santa Etelvina, zona Norte de Manaus.

As imagens registradas mostram o momento em que a mulher, ainda não identificada, mesmo com um bebê no colo, é violentamente espancada com um pedaço de pau. Um outro homem aparece no registro, e aparentemente pede que o agressor pare de agredir a vítima. Mas com o violência das pancadas a mulher cai com o bebê na calçada e é atingida com vários golpes.

Mesmo caída no chão e com a criança no colo e chorando bastante, o homem continua espancando a mulher, que implora para que ele pare com agressões. Um outro homem chega para ajudar a mulher e finalmente o agressor para com sessão de tortura.

Segundo os moradores da área, o agressor, que ainda não foi identificado, não mora no residencial.

Nas redes sociais, várias internautas reagiram as cenas de violência contra a mulher e a criança. Algumas repudiaram a atidude de outros internautas que procuravam justificativa para que a vítima fosse tão agredida, outras revelavam casos pessoais de agressões que já sofreram de companheiros e a maioria dos comentários pediam que as pessoas que testemunhassem casos de violência denunciassem o fato à polícia.

A Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher disponibilizou os telefones (92) 3582-2778 e 3582-1610, caso alguém tenha mais informações sobre o caso, para ajudar nas investigações.

 

Comentários com Facebook

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Jussara Melo
Carregar Mais Em Polícia

Leia Também

Homem é denunciado por estupros em série de menores durante 23 anos

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) denunciou um homem, de 49 anos, por estupros e…