Novo Aripuanã terá nova eleição após prefeito ter registro cassado pelo TSE

74

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidir negar o registro de candidatura do atual chefe de executivo. Pela decisão, Aminadab Meira Santana deve ser afastado imediatamente do cargo.

Aminadab Meira Santana / Divulgação
Aminadab Meira Santana / Divulgação

Santana teve as contas reprovadas. Ele foi condenado por não apresentar documentos que comprovem a execução de serviços contratados pela prefeitura quando exercia o cargo ainda na eleição passada.

O Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) informou que aguarda a sentença ser publicada. Assim que sair, o TRE tem 90 dias pra fazer uma nova eleição no município.
Segundo o secretário judiciário Waldiney Siqueira, a eleição não deve ocorrer neste ano por falta de tempo. O pleito tem previsão para ocorrer apenas em fevereiro, após o recesso do órgão, que começa em 20 de dezembro.
Com o afastamento do atual prefeito, quem assume a gestão de Novo Aripuanã é o presidente da Câmara dos vereadores do município.
Aminadab viajou para Manaus nesta quarta-feira (11) pra conversar com o advogado sobre o caso. Ele não quis conceder entrevista à Rede Amazônica, mas disse que vai tentar entrar com um novo recurso.
De acordo com Waldiney Siqueira, não é mais possível recorrer da decisão.

Comentários