Home Notícias Manaus Novo posto de vacinação em Manaus : Bola da Suframa

Novo posto de vacinação em Manaus : Bola da Suframa

3 minutos lido
61

Com a meta de vacinar todos os idosos com 75 anos ou mais nos próximos dias, o prefeito de Manaus, David Almeida, anunciou a instalação de um novo posto de vacinação na zona Sul da capital. O local escolhido foi o Centro Cultural dos Povos da Amazônia, localizado na Bola da Suframa, que, a partir desta segunda-feira, 1º/2, irá funcionar com a modalidade drive-thru e ponto fixo.

Neste domingo, 31/1, David Almeida, acompanhado da titular da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Shádia Fraxe, e o secretário de Estado de Cultura, Marco Apollo, visitou o local e definiu os últimos detalhes para a instalação das estruturas de vacinação. Equipes da Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp) foram convocadas para realizar a limpeza e sanitização da área que será utilizada para vacinar os idosos.

O prefeito informou que a ampliação na Campanha de Vacina visa agilizar o processo de imunização da população. “Já a partir de amanhã, na Zona Sul de Manaus, vamos abrir mais um ponto de vacinação, onde a nossa meta é fazer a imunização diária de mais de mil pessoas. Nossas equipes tem a capacidade de imunizar 10 mil pessoas, mas nós vacinamos algo em torno de 30% nos últimos dias. Por isso, vamos ampliar nosso atendimento com maior número de pessoas e o maior número de locais para vacinação”, explicou David.

Além do novo ponto de vacinação, Manaus conta com mais cinco locais na modalidade drive-thru e ponto fixo. São eles: Complexo de Exames do Detran (zona Norte); estacionamento da Universidade Paulista (Unip) (zona Sul); Balneário do Sesc (zona Oeste); Clube do Trabalhador do Sesi (zona Leste); e Shopping Phelippe Daou (zonas Norte e Leste).

Mais de 6,4 mil idosos vacinados

Com a antecipação da vacinação do segundo grupo de idosos, da faixa etária de 75 a 79 anos, que estava programada para o dia 4/2, a prefeitura já havia vacinado, até as 14h deste domingo, mais de 6,4 mil idosos contra a Covid-19.

O adiantamento da vacinação do segundo grupo foi determinado pelo prefeito David Almeida para otimizar o aproveitamento das equipes de vacinação e da estrutura montada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).

A secretária municipal de Saúde, Shádia Fraxe, esteve nos postos na manhã deste domingo para acompanhar a vacinação. “Nós iniciamos a campanha com idosos de 80 anos e mais. Verificamos que, à medida que a vacinação foi transcorrendo, a estrutura montada por nossa equipe tinha capacidade para atender a um público maior e decidimos pela antecipação da imunização do segundo grupo, que era o da faixa de 75 a 79 anos. Rapidamente nos reorganizamos e também esses idosos estão recebendo a primeira dose da vacina”, informou a secretária.

A Semsa tem 50 equipes trabalhando na vacinação contra a Covid-19. São 200 servidores atuando diariamente, agora também aos domingos, na aplicação da imunização dos idosos, além de pessoal de apoio e coordenação. Esses profissionais atuam, simultaneamente, desde o dia 19, na vacinação de todos os grupos iniciais – trabalhadores da saúde, idosos de instituições de longa permanência e, agora, dos grupos de idosos a partir dos 70 anos, de acordo com as faixas específicas.

“Nós temos capacidade de atendimento, temos a quantidade de vacinas para esses grupos e a estrutura adequada para garantir que essas pessoas sejam vacinadas com total segurança, com riscos ínfimos de contaminação, tanto nos carros, em drive-thru, como os que vêm por outros meios e são atendidos nos postos fixos que funcionam no mesmo espaço”, destacou a diretora do Departamento de Vigilância Ambiental e Epidemiológica, enfermeira Marinélia Ferreira.

Com a antecipação, o atendimento do segundo grupo de idosos contemplados pela vacina será concluído na próxima sexta-feira, 5/2, quatro dias antes do planejamento inicial.

Cuidados

O médico assesor da Semsa Djalma Coelho fez questão de relembrar que mesmo após receber a primeiro dose da vacina contra a Covid-19, os idosos precisam manter os hábitos de biossegurança – lavar as mãos, uso de máscara e álcool em gel – e o distanciamento social. Além disso, é necessário ficar atento para receber no período certo a segunda dose.

“A recomendação é que após receber a primeira dose, o idoso guarde seu cartão é se preocupe com o prazo exato para receber sua segunda dose. A primeira dose, ela não imuniza completamente. Então, o idoso, mesmo recebendo essa primeira dose, tem que permanecer com todos os cuidados”, explicou.

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Marcus Pessoa
Carregar Mais Em Manaus

Leia Também

Vacinação de grávidas contra a Covid-19 em Manaus está iniciada

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), informa que na …