O viral mais triste que você irá ler hoje

7698

O viral mais triste que você irá ler hoje trata-se da mensagem escrita com muito amor e sentimento da Deisy Mendes, natural de Manaquiri – AM, Deisy compartilhou a sua história com a sua filha Vida Vitória e emocionou o Brasil todo.

Em sua página pessoal, a história da Deisy já passa de 48 mil compartilhamentos no Facebook.

Dia 28 de agosto de 2018 fiz o primeiro teste de gravidez, deu positivo, não acreditando comprei mais um rsrs. Pensamentos a mil, não queria acreditar, resolvi logo contar pra minha irmã Leidiane Mendes. Minha família aceitou de boa, a família do Arilson também.
Comecei a sentir enjôo, emagreci horrores (faz parte né!). Tranquei a faculdade e fui passar os primeiros meses com a mamãe no Manaquiri. Bati a primeira ultrassom dia 25 de setembro, não dava pra vê porque ainda era muito pequeno, somente o coração dava pra escutar. E a barriga crescendo, ainda nem tinha caído a ficha rs
Sua avó deu a primeira calcinha, ela já tava adivinhando que era menina. Já ia fazer 4 meses de gestação quando dia 21 de novembro tive um pequeno sangramento, não liguei muito por ser uma pequena quantidade. 5 de dezembro outro sangramento, então fui ao médico, ele passou uma ultrassom urgente. Dia 6 fui bater a ultrassom, tava toda animada pra saber o que era, levei minha sobrinha comigo. Então chegou a hora da ultrassom, o médico me deu a notícia que você tinha uma má formação no cérebro, que era Anencefalia, eu fiquei sem chão nessa hora, só conseguia chorar. Então ele me encaminhou pra Manaus, mas esse encaminhamento já era pra tirar você. Só Deus sabia o nervosismo que eu tava. Fui pra Manaus, o médico queria me internar, eu não queria aceitar tirar você de mim, então fiz outra ultrassom morfológica e deu Holoprosencefalia. Passei por vários médicos todos me diziam pra abortar você, que você não ia sobreviver nem 3 horas.
Que seria uma gravidez complicada
Mas Deus sabe de todas as coisas.
Então o tempo foi passando, eu acreditava que Deus podia reverter essa situação. Ele quem é o dono da vida, ele quem dá ele quem tira.
Essa foi a ultima foto com meu barrigão bonitão rsrs, como eu cuidava de você, eu, seu pai e sua Tia Leila Mendes Mendes que nos acompanhou desde do inicio, sua segunda mãe. ❤️
1 de maio a bolsa estourou as 18:00 fui rápido para a maternidade, chegando lá comecei a sentir as contratações (que dor kkk) você nasceu dia 2 às 00:46 de parto cesariana como você era linda. Com diagnóstico Hidrocefalia. Seu nome escolhido por sua tia Leila VIDA VITÓRIA, nosso milagre
Então nossa luta começou, bateu a tomografia e constatou que você além da Hidrocefalia tinha apenas 15% do cérebro então ficou Hidranecefalia (uma doença muito rara). E um estreitamento que impedia de respirar espontâneamente, então foi 4 vezes intubada, teve uma parada cardíaca mesmo assim continuava lutando pela vida e Deus sempre vinha provando ao contrário da medicina, pra quem não ia durar 3 horas de vida você era um verdadeiro milagre. Passou 2 meses internada na UTI no Instituto da Mulher e só quem podia vê era eu e seu pai. Não foi nada fácil esses dois meses, conheci mulheres maravilhosas e guerreiras que estavam na mesma situação. Dias de lutas, dias de glórias.
Deus nunca nos desamparou ali naquele lugar, só quem já passou por isso sabe a dor que é vê um filho sofrer e não poder fazer nada. Mas como diz a palavra “O amor tudo sofre, tudo suporta”. Tinha dias que parecia que não ia consegui, mas você minha guerreira me dava forças pra segui mesmo parecendo tudo da ao contrário. Dia 14 de junho fez a primeira cirurgia pra botar traquio, graças a Deus ocorreu tudo bem. Mas uma etapa vencida.
Não ia custar muito pra irmos pra casa e sair daquele lugar.
5 de julho você pegou alta, foi um dos dias mais felizes da minha vida e da nossa família, cada dia uma vitória, como eu te amo minha Vida Vitória.
Eu pedia oração, e você recebeu muitas orações. Agradeço muito a Deus por cada pessoa que orou por nós, que tirou um pouco do seu tempo pra nós.
O amor supera qualquer coisa, qualquer situação. Os dias foram passando.
Você deu um sentido a minha vida, um amor sem explicação, sem medida.
Todos os dias dava o melhor de mim, não só eu como seu pai e sua tia. Aproveitamos o máximo possível com você. Levamos pra ser apresentada na igreja. Sua vida estava nas mãos de Deus
O amor da minha vida todinha. Minha pequena guerreira.
Então deu uma piorada, dia 15 de julho você voltou a ficar internada no Pronto-socorro da Criança. Estava saturando direito, então foi pro oxigénio.
Como você é linda meu amor💔 eu não imaginava que seria seus últimos dias com nós. Não passava pela minha cabeça isso, e nem queria imaginar. Mas como sempre dizia sua vida tava nas mãos de Deus. Dia 18 seu pai ficou de manhã com você, eu fiquei a tarde, sua tia ia passar a noite. Quando foi por volta das 22:50 sua tia me ligou chorando, dizendo pra ir pro hospital rápido que você estava passando mal. Fui rápido, no caminho eu ia pensando que era só um susto e que você ia resistir (eu tinha certeza), chegando lá entrei na sala de emergência a médica me disse: mãe vá se despedir da sua filha que ela já está indo.
Eu perguntei já chorando: mas ela não vai sobreviver?
Ela disse: ela ta dando seus últimos suspiros.
Corri pra vê você, a cena mas triste da minha vida, a que nunca desejo a ninguém.
Cheguei ao seu lado comecei a conversar com Deus pedindo pra deixar você comigo, seu pai chegou em seguida na sala, eu de um lado e ele de outro. E os aparelhos foram zerando, e eu não queria acreditar que você tava me deixando naquele momento, eu chorava muito segurando suas mãos, o meu mundo tava acabando. E até que seu coração parou de bater💔 foi o fim pra mim. Eu tentei te pegar no colo, mas não podia por causas dos aparelhos. Eu pedia muito pra Deus não fazer aquilo comigo. Sua tia entrou em desespero…
Hoje faz 10 dias que estou sem você, 10 dias que não sinto seu cheiro, que não te abraço, que não te beijo, que não te pego no colo. Mas Deus sabe o que faz, hoje você ta nos braços do Pai, minha estrelinha.
Hoje a saudade aperta em saber que você não vai mais voltar pra mim.
Te amarei de janeiro a janeiro minha filha, o meu amor não vai ter fim minha Vida Vitória.
Nunca vou esquecer tudo que passamos juntas, me fez mais forte, CORAGEM fez e faz parte do meu caminhar. Deus fez eu sentir o maior amor do mundo, e a pior dor que foi perder você.
Um dia vou me encontrar com você, te dá uma abraço forte e dizer o quanto te amo.
Saudades eterna.
Vida Vitória (02/05 – 18/07)

Confira abaixo a publicação diretamente do perfil da Deisy.

Comentários