Mulher é encontrada morta em casa com cobra enrolada no pescoço e outras 140 cobras

2190

Uma mulher de 36 anos, Laura Hurst, foi encontrada morta em casa e com uma cobra píton de quase três metros enrolada em seu pescoço. O incidente ocorrido na última quinta-feira (31), aconteceu na cidade de Battle Ground, Indiana nos Estados Unidos.

 Laura Hurst/ Reprodução / Facebook
Laura Hurst/ Reprodução / Facebook

De acordo o site Metro Reino Unido, os oficiais do Departamento do Xerife do Condado de Benton encontraram o corpo de Laura Hurst, de 36 anos, sem vida e a equipe de paramédicos ainda tentaram revivê-la, porém, a empreitada foi sem sucesso.

 Laura Hurst/ Reprodução / Facebook
Laura Hurst/ Reprodução / Facebook

O curioso é que Laura Hurst mantinha uma casa com 140 cobras, das quais 20 eram dela mesma. Ela utilizava essa casa apenas para a criação dos animais. De acordo com uma declaração do porta-voz da polícia estadual de Indiana, a sargento Kim Riley, Hurst costumava visitá-las duas vezes por semana para saber como os animais estavam.

 Laura Hurst/ Reprodução / Facebook
Laura Hurst/ Reprodução / Facebook

O xerife Munson, que mora ao lado da casa dos répteis disse que viu Hurst em casa na quarta-feira à noite. Riley disse que uma pessoa encontrou Hurst mais tarde naquela noite no chão com uma píton enrolada no pescoço da mulher. A pessoa, que não teve o nome divulgado, disse que conseguiu desenrolar a píton, mas os médicos não conseguiram reviver Hurst, escreveu Riley.

Ao que tudo indica ela parece ter sido estrangulada pela cobra, mas a causa da morte ainda será identificada por autopsia.

Casa da Laura Hurst/ Reprodução / Facebook
Casa da Laura Hurst/ Reprodução / Facebook

Comentários