O beneficiamento de couros de cobra, jacaré e onça, foi uma importante fonte de renda da região Amazônica no passado - No Amazonas é Assim
Nos Siga nas Redes Sociais
Manaus, AM, sábado, 25 de maio de 2024

Memórias do Amazonas

O beneficiamento de couros de cobra, jacaré e onça, foi uma importante fonte de renda da região Amazônica no passado

Publicado

no

Uma publicação do perfil História Inteligente tem viralizado ao recuperar uma foto de 1965 de um Curtume em Manaus. Curtume (ou alcaçaria) são operações de processamento do couro cru e, por extensão, ao local onde este processamento é feito. Tem por finalidade deixá-lo utilizável para a indústria e o atacado. Os curtimentos (de curtir) mais comumente utilizados são o vegetal e o mineral, sendo este último o mais utilizado.

LEIA TAMBÉM  Conheça o túmulo original da Santa Etelvina em Manaus

De fato, na década de 50 e 60 houve muito o beneficiamento de couros de cobra, jacaré e onça, como uma importante fonte de renda da região Amazônica no passado.

Peles de Animais em Curtume de Manaus na década de 1950 / Fonte : IBGE

Peles de Animais em Curtume de Manaus na década de 1950 / Fonte : IBGE

A partir da análise da foto que viralizou, existe também um outro texto da fanpage Manaus Sorriso que informa sobre o aspecto capturado no interior de um dos curtumes de Manaus. A estrutura do grande galpão se assemelha ao do Curtume Rio Negro, situado na Ilha de Caxangá e um dos últimos do gênero a encerrar suas atividades.

LEIA TAMBÉM  Conheça a História de Manaus de forma resumida!

Além do valor cultural, em face de seu emprego no folclore amazonense, as peles dos animais silvestres alcançavam excelentes preços no mercado internacional, conquistando importante lugar na pauta de exportação do Amazonas.

Em 1967, uma Lei Federal de Proteção Ambiental proibiu a comercialização de todos os tipos de peles de animais silvestres no Brasil, impactando negativamente as atividades dos curtumes do Amazonas.

LEIA TAMBÉM  Conheça um dos maiores e mais trágicos naufrágios ocorridos na história de navegação na Amazônia a tragédia fluvial do Vapor Paes de Carvalho

A maioria fechou de imediato, restando apenas os mais bem estruturados, autorizados a comercializar e curtir peles até 1971.

Publicidade
Entre no nosso grupo de Whatsapp

Além disso, o advento da Zona Franca de Manaus foi fundamental pra que Manaus mudasse novamente a sua matriz econômica e não acabasse com a fauna e a flora do Amazonas!

Foto: Revista Manchete, 10/07/1965.

Foto: Revista Manchete, 10/07/1965

Deixe seu comentário aqui embaixo 👇…

Sou o idealizador do No Amazonas é Assim e um apaixonado pela nossa terra. Gravo vídeos sobre cultura, comunicação digital, turismo e empreendedorismo além de políticas públicas.

Notícias da ALE-AM

Lendas Amazônicas, Urbanas e Folclóricas!

Curta a gente no Facebook

Bora Falar de Direito?

Confira as dicas de direito

Prefeitura de Manaus

Últimas notícias da Prefeitura de Manaus

Governo do Amazonas

Últimas notícias do Governo do AM

Tribunal de Contas do Amazonas

Últimas Notícias do TCE-AM

Assembleia Legislativa do AM

Últimas notícias da ALE-AM

Entre em nosso Grupo no Whatsapp

Participe do nosso grupo no Whatsapp

Últimas Atualizações