Home Notícias Polícia Juíz afirma durante audiência: “Ninguém agride ninguém de graça”; Veja o Vídeo!

Juíz afirma durante audiência: “Ninguém agride ninguém de graça”; Veja o Vídeo!

1 minutos lido
200

Numa audiência on-line referente a um processo, que a mãe, vítima de um marido que a agredia, esperava conseguir pensão aos filhos menores de idade numa Vara de Família de São Paulo, o juiz da audiência disse: “Se tem lei Maria da Penha contra a mãe (sic), eu não tô nem aí. Uma coisa eu aprendi na vida de juiz: ninguém agride ninguém de graça”. E continuou: “Doutora, eu não sei de medida protetiva, não tô nem aí para medida protetiva e tô com raiva já de quem sabe dela. Eu não tô cuidando de medida protetiva.”, disse o magistrado. Na audiência em questão estavam presentes, um promotor de justiça, que permaneceu calado a maior parte do tempo, a mulher, o marido suspeito de agressão e duas advogadas. A mulher, é vítima do ex-companheiro num inquérito de violência doméstica, com base na Lei Maria da Penha. A reportagem é do Papo de Mãe, do UOL.

Em vários momentos o juiz minimizou a importância da Lei Maria da Penha, das medidas protetivas, e chegou a fazer ameaças: “eu tiro a guarda de mãe”. O juiz insinuou que se a vítima voltasse a fazer Boletim de Ocorrência contra o ex, ela poderia ter problemas com a guarda, pois, segundo o magistrado: “ficar fazendo muito BO depõe muito contra quem faz”.

Apesar de conhecer o caso, histórico de violência, o juiz insistia para que a vítima reatasse o relacionamento com o ex. O magistrado cometeu machismo e fez apologia à violência em frases como: “eu também tenho filha mulher, vou ter genro, dá até tremedeira, tava vendo aula de tiro”. “Ele pode ser um figo podre, mas foi uma escolha sua e você não tem 12 anos”, reforçou o juiz.

O juiz perguntou: “A senhora é solteira, a senhora mora com quem, mãe?”, quando o correto é dirigir-se a qualquer pessoas em tribunal pelo seu nome, o juiz apenas chamou a vítima de “mãe” e até “manhê”, usando tons para categorizar a vítima.

O juiz também disse: “Quem batia não me interessa”, voltando a insistir que a vítima perdoasse as agressões do suspeito.

Veja os vídeos abaixo:

 

 

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Roger Siqueira
Carregar Mais Em Polícia

Leia Também

Youtuber morre executado com 12 tiros enquanto entrava em uma padaria!

Fredson Djonatan Samulewski, digital influencer de 26 anos, foi assassinado com 12 a tiro,…